https://jornaljaguare.wordpress.com/2012/10/22/501/

Vote Certo

Estamos nos aproximando das eleições, desta vez, para escolher Prefeito e Vereador. Votar é um exercício de cidadania. Votar, escolher aqueles vão gerir nossa cidade, o Prefeito, no executivo, e os vereadores no Legislativo. A possibilidade de votar, de escolher nossos representantes nos confere um grande poder. Vamos escolher bem nossos representantes, escolher aqueles a quem daremos uma procuração para agir em nosso nome.
Vivemos tempos difíceis em todos os sentidos. As pessoas não tem tempo para olhar uma para a outra, conversar, trocar idéias. Vemos nas ruas pessoas circulando, falando discutindo relação e brigando pelo celular, no ônibus, no trem, caminhando.
Ao mesmo tempo que a tecnologia nos ajuda, propiciando rapidez nas informações, ela nos afasta das pessoas, embota nosso pensamento, e faz com que não percebamos aquilo que está mais próximo de nós; faz com que não olhemos mais para aqueles que estão em torno de nós; não nos permite ouvir histórias, perceber se aquele que está próximo sente alguma dor, precisa de algo.
E, agora que estamos vivendo um período pré-eleitoral, precisamos ter a consciência de que nosso voto é importante para a definição da administração de nossa cidade. Qualquer erro que cometamos será desastroso para nossa cidade.
E, permito-me, transcrever mensagem do Cardeal Dom Odilo P. Scherer, Arcebispo de São Paulo e os Bispos Auxiliares de São Paulo, datada de 15 de agosto de 2012, sobre “ELEIÇÕES MUNICIPAIS DE 2012 EM SÃO PAULO
O Arcebispo de São Paulo, com os Bispos Auxiliares desta Arquidiocese, no cumprimento de sua missão pastoral, apresentam as seguintes orientações aos seus fieis, em vista da participação nas eleições municipais deste ano:
1. Participe e vote. Não deixe de seguir a campanha para as eleições municipais e de exercer bem o seu direito e dever cidadão. Valorize seu voto, que ajudará a def inir o futuro do município de São Paulo. Evite o voto nulo ou branco.
2. Vote em que você conhece. Procure conhecer os candidatos, verifique se estão com- prometidos com as grandes questões que requerem ações decididas do Poder Legislativo e Executivo municipal, como habitação, educação, saúde, segu- rança, transporte, cuidado do meio ambiente, limpeza pública, saneamento básico, atenção especial aos pobres e às camadas sociais mais vulneráveis da cidade.
3. Prefeito e Vereadores devem promover o bem comum. Veja se os candidatos e seus partidos estão comprometidos com a justiça e a solidariedade social, a dignidade da pessoa, os direitos humanos, a cultura da paz e o respeito pleno pela vida huma- na desde a concepção até a morte natural. Estes valores são fun- damentais e irrenunciáveis para o convívio social.
4. Candidato de quem? Avalie se os candidatos têm propostas realistas e viáveis para promover políticas que beneficiem a cidade como um todo, ou se estão ligados mais ao interesse de    grupos    específ icos.    O    bom governante deve governar para todos.
5.    Conf ira    a    f icha.    Dê    seu voto de forma consciente e não decida apenas na última hora. Não dê seu voto a quem já este- ve envolvido em casos de deso- nestidade e corrupção, mas so- mente a candidatos com “ficha limpa”. A corrupção na política pode ser superada também com o seu voto.
6. Não venda o voto, nem o troque por favores. Seu voto é sua dignidade. Fique atento a toda prática de corrupção elei-
toral, à compra de votos, ao abu- so do poder econômico e ao uso indevido da máquina administra- tiva pública na campanha eleito- ral. Fatos como esses devem ser denunciados imediatamente, com testemunhas, às Autorida- des da Justiça Eleitoral.
7. Vote com consciência e li- berdade. Procure conhecer as idéias e propostas defendidas pelos candidatos e pelos parti- dos aos quais estão filiados e seu vinculo com as comunidades lo- cais. Vote em candidatos dignos, capazes, com credibilidade pú- blica e que estejam em sintonia com suas próprias convicções.
8. Questione se os candida- tos estão dispostos a legislar e administrar de forma transpa- rente, aceitando mecanismos de controle por parte da socie- dade. Candidatos com um his- tórico de corrupção ou má ges- tão dos recursos públicos não devem receber seu apoio nas eleições.
9. Política, Religião e família.
Vote em candidatos que respeitem a liberdade de consciência, as convicções religiosas e morais dos cidadãos, seus símbolos religiosos e a livre manifestação de sua fé; da mesma forma, apóie candidatos que amparem a família e a protejam diante das ameaças à sua identidade e missão natural. A cidade que des- cuida ou abandona a família her- dará muitos problemas.
10.    Fique    de    olho:    votar    é importante, mas ainda não é tudo. Depois das eleições, acompanhe as ações e decisões políti- cas, legislativas e administrativas dos governantes municipais, para cobrar deles coerência em relação às promessas de campa- nha e para apoiar suas decisões acertadas.

 

Maria Gema Martins

Visita do Sub prefeito da Lapa

Dia 10/09 recebemos a visita do Sub prefeito da Lapa, Cel. Ailton Brandão, que trouxe um grande alento a todos os pre- sentes na reunião. Sabedor de todas as dificuldades do bairro, seja na área de transito, obras, limpeza, (zeladoria) mostrou-se confiante na solução dos pro- blemas que foram apresentados na ocasião.
Presentes à reunião: Dr Amado Rebouças apresentou ao Subprefeito antigo problema de área de lazer, sem conclusão do processo; Padre Roberto entregou documento com reivindicações, também antigas, referentes a pontos viciados de lixo; Larissa, participante do GT do Jaguaré, pediu apoio nas ações de zeladoria e que a Subprefeitura Lapa indique um representante para participar do Grupo de Trabalho, que se reúne quinzenal- mente das 09 às 10:30 horas, na Igreja São José;
Como resultado dessa reunião, a presidente da SAJA, Maria Gema, recebeu a visita do Engenheiro Michael Rodrigues da Silva, Coordenador de Projetos e Obras da Subprefeitura Lapa, que informou estar sendo preparado um laudo sobre o desabamento do barranco da Av Presidente Altino para ava- liar a possibilidade de incluir o desbarrancamento em obras de emergência; sobre a Av Alexandre Mackenzie informou que está na programação para breve a realização de obras com equipamentos pesados, e citou outras medidas que serão percebidas por todos os moradores do Jaguaré em curto espaço de tempo.

Pilates – Benefícios

O que o Pilates pode fazer por você !
• Fortalece e define os mús- culos, principalmente dando ênfase ao abdômen;
• Melhora a respiração, pos- tura e mobilidade das articulações;
•Melhoraacapacidadedecon- centração e a performance diária;
• Alivia o estresse e a fadiga;
• Gera equilíbrio entre for- ça e flexibilidade;
• Aumenta a sensação de bem-estar e alivia as dores.
• Fortalecimento abdominal • Consciência corporal • Alinhamento postural • Recupera e previne lesões • Alivia as dores nas costas • Melhora o visual do corpo, assim como sua auto-estima.

Zaragoza expõe no Espaço Cultural HU

 

José Zaragoza expõe algu- mas de suas obras a partir de 27 de setembro no Espaço Cultural HU, na Universidade de São Pau- lo. O artista espanhol de 82 anos escolheu para a mostra telas inéditas da série Pássaros e Flores, pintadas em acrílico e também em papel fabriano. Surpreenden- te e irreverente. Essa pode ser a melhor definição do artista Zaragoza, renomado publicitário, oZ da DPZ, um dos fundadores da agência.
A inspiração para a série Pássaros e Flores surgiu no ambiente de sua residência. “No jardim da minha casa tem muitas árvores que dão flores e frutas. Na jabuticabeira, de manhã e de tarde, os pássaros vêm, é uma beleza. São famílias.    Eu f iz até uma    pe- quena piscina e eles a usam. São meus momentos, cada quadro representa uma etapa para mim, como filhos gestados e paridos com muita intensidade e emoção”, comenta o publicitário. O curador Antonio Carlos Cavalcanti avalia com expectativa a exposição de Zaragoza. “Um grande artista que domina a técnica de desenho e da pintura como poucos. Sua precisão nas formas e cores o coloca como um dos grandes artistas do ce- nário atual. Tenho certeza de que a importância de sua expo- sição para o Hospital Universitário da USP vem de encontro com esse fantástico projeto Cura com Arte. Parabéns à direção do HU.”
Para a professora Sandra Grisi, superintendente do HU, esta mostra de Zaragoza é um presente para o Espaço Cultural HU no projeto Arte Cura, trazida por Ivald Granato, presidente do Grupo G-Onze.
O publicitário José Zarago- za, natural de Alicante, na Espanha, é apaixonado pelo desenho desde a adolescência. Desenvolveu sua técnica na Escola de Belas Artes de Barcelona, mas, principalmente, na prá- tica. Foi ilustrador e fotógrafo antes de ingressar na publicidade. Em 1962, fundou com Francesc Petit o estúdio de design gráfico Metro 3, em São Paulo. Em 1968, ao lado de Petit e Roberto Duailibi, criou a DPZ, da qual é diretor de criação até hoje.
Zaragoza já realizou mais de 100 exposições de seus trabalhos artísti- cos, percorrendo Brasí- lia e cidades como São Paulo, Rio de Janeiro Nova York, Paris, Tóquio, Barcelona, Berlim, Bru- xelas e Santiago.
A exposição de Zaragoza no Espaço Cultural pode ser visitada gratuitamente de 27 de setembro a 25 de outubro, sempre de segunda a sábado, das 8 às 19 horas. O Espaço Cultural HU fica no HU- USP, avenida Professor Lineu Prestes, 2.565 – Cidade Universitária – São Paulo.
Informações: (11) 3091-9201 http://www.hu.usp.br

Você merece ser feliz!

Você lutou com toda sua força, garra e suor. Finalmente, a recompensa chega deliciosa e merecida. Então, você olha ao redor e está cercado, mas não de pessoas querendo parabenizá-lo, e sim, daquelas que exi- gem que você compartilhe os frutos de sua vitória.
Elas, verdadeiros parasitas, cujo lema de vida é viver de es- molas, acham que é sua obrigação doar aquilo por que tanto batalhou, como se você não merecesse a vitória. A arma dessas pessoas contra você é a obrigação da caridade e da compaixão. Elas merecem, pois não conquistam, não lutam e não correm atrás. Como você ‘venceu’, acham que é egoísmo não compartilhar.
Ocorre que você não tem obrigação de compartilhar nada. Não estou dizendo que não deva compartilhar os frutos de suas vitórias, mas você deve fazer isso se for o que realmente deseja, se a pessoa é merecedora do seu afeto e carinho, e, não, porque você tem uma “obrigação”.
Essa obrigação não existe e jamais existiu. Legitimá-la seria dizer que os grandes vencedores, inovadores, ou seja, quem luta e merece a vitória não tem valor. A não ser o de servir sua vida, seu trabalho, seu suor e tudo que lhe for sagrado em um altar de sacrifício por todo aquele que não luta, nada faz e, portanto, nem merece.
Desconfie, grite toda vez que alguém vier com esse dis- curso de que “você deve dividir”. Divida, sim, por amor, porque é sua vontade, para quem merece. A verdade, meu amigo, é que os parasitas devem pere- cer, esse deve ser o destino de todo aquele que pode lutar, mas nunca lutou.
O curioso é que eles dizem que veem justiça nisso. Não caia nessa! A doutrina do sacrifício é injusta por natureza. Não há justiça em ter que dar a alguém que nada fez por merecer tudo aqui-
lo pelo que você tanto lutou. Qual é a justiça disso? Que tipo de igualdade é essa que exige de uns tudo e de outros nada, a não ser a mediocridade? Como você viveria se soubesse que tudo pelo que lutou não lhe se- ria entregue, nunca? E que seus sonhos, ainda que conquistados, não pudessem ser seus? Teria como ser feliz algum dia?
A justiça está no direito que eu tenho de colher os frutos da minha vitória, assim como o outro também tem. Isso é sagrado para todos nós. Você tem direito a sua felicidade, não deixem que outros a tirem de você. É você o merecedor, ninguém mais.

*Autora: Eliane Quintella é escritora (http:// pactosecreto.wordpress.com).
SOBRE A AUTORA
Eliane Quintella nasceu em São Paulo (SP), é formada em Direto e mestre em Direito Pro- cessual Civil.

Russomanno diz que irá reforçar segurança nas escolas municipais

Candidato do PRB à Prefeitura de São Paulo, Celso Russomanno disse que vai reforçar a segurança nas escolas municipais para que os jovens não entrem com drogas ou qualquer tipo de arma.
Russomanno afirmou que é muito importante criar estratégias para melhorar o desempenho dos alunos. Algumas de suas propostas para melhorar o setor educacional da cidade é a informatização do sistema de ensino. “A inclusão digital precisa ser feita. As escolas têm computadores, mas não funcionam porque não tem manutenção”, destacou.
O republicano reforçou a ideia de levar internet gratuita para a população da periferia, revisar o regime de progressão continuada e verticalizar as creches paulistanas. “Vou acabar com    a    def iciência    das    creches em São Paulo. Pretendo subir mais um andar para atender mais crianças”, garantiu.
Sobre o CEU (Centro Educa- cional    Unif icado),    Russomanno af irmou    que    na    versão    original é muito bom, mas depois acabou se transformando num gran- de depósito escolar e isso não é o correto. “O CEU tem como seu princípio dar cultura, dar lazer,
dar esporte, não só para as crianças, e para aqueles que estu- dam nos CEUs, mas para a terceira idade e toda sociedade. Esse é o projeto que nós queremos manter”, destacou.
Segundo pesquisa Ibope, Russomanno segue na lideran- ça com 34% das intenções de voto. O petista Fernando Haddad tem 18% e candidato do PSDB, José Serra, possui 17%.